De milho em milho e a multiplicação de pessoas.

O Partido dos Trabalhadores neste artigo da Agência PT de Notícias, sobre as manifestações da sexta 13, diz logo no seu subtítulo que: “Somente em São Paulo, mais de 40 mil pessoas participaram da manifestação.”  Adiante, no mesmo artigo, lê-se Em São Paulo, a concentração na Avenida Paulista reuniu aproximadamente 100 mil pessoas no fim da tarde, segundo a CUT.”

Não sou repórter, jornalista e nem contador oficial de manifestante na rua, porém deu para perceber que a Agência PT de Notícias inflacionou “apenas” 250% a informação sobre a quantidade de manifestantes em São Paulo em apenas 7 parágrafos e não fez nem uma pequena verificação dos números. No link para a Agência Brasil , que mantive tal qual no artigo original, a informação já é outra, “só” 9 mil pessoas.

Os 100 mil vieram da contagem  da CUT.

Os 9 mil, depois atualizados para 12 mil, vieram da Policia Militar de São Paulo.

Os 40 mil, do início do artigo, vieram da conta do PT mesmo.

Se pegarmos as informações da PM de São Paulo e os da CUT temos uma enorme diferença, coisa de 10 vezes a mais ou a menos dependendo de onde olhar. Parece que tem algo errado.

Independentemente de serem 9, 40 ou 100 mil pessoas, foi um feito e tanto. Realmente é gente pra caramba que eles conseguiram reunir. Claro que fizeram questão de “comemorar”, com números inflacionados ou não, ao que parece o PT está lidando com toda essa situação como se as manifestações do dia 13 e do dia 15 estivessem competindo para ver quem junta mais gente e não o que essa gente tem pra dizer.

Dados Dados e comentados. Esperando os números de amanhã.

Comentários

  1. […] minha outra postagem eu disse que “ao que parece o PT está lidando com toda essa situação como se as […]